Forte de Mormugão

O forte de Mormugão localiza-se no ponto oposto ao Palácio do Cabo, na ponta sul da foz do Rio Zuari, nas imediações da cidade de Vasco-da-Gama, concelho de Mormugão. Este forte está praticamente completamente em ruínas, sendo que há algumas dezenas de anos ainda era possível visitá-lo.

O forte visto na segunda metade do século XIX

História

A praça de Mormugão começou-se a construir em Abril de 1624 (governando a Índia D. Francisco da Gama, 3º conde da Vidiguieira), conforme rezava uma lápide na entrada.

O forte deve muita da sua importância à sua localização estratégica. No século XVII com as contínuas pestes e a insalubridade e ataques ininmigos flagelando a Velha Goa, os vice-reis tentaram transferir a capital da Índia PUma planta que retrata a praça de Mormugão, do livro "Fortalezas, Cidades e Povoações da Índia Oriental"ortuguesa para Mormugão, tendo sido construídos alguns edifícios para o efeito, mas a mudança foi abandonada devido aos altos custos, e já no século XIX foi aceite Nova Goa (hoje Panjim) como a nova capital de Goa.

O forte de Mormugão esteve também em foco durante o bloqueio naval holandês do século XVII, defendendo a barra do Rio Zuari e impedindo ataques dos navios holandeses.