Jogos da Lusofonia com representação goesa

Jogos da Lusofonia com representação goesa

150 150 Super Goa

A Associação dos Comités Olímpicos de Língua Oficial Portuguesa (ACOLOP) anunciou na semana passada ter aceite a candidatura dos Comités Olímpicos da Índia e do Sri Lanka a membros associados. Tal possibilitará a participação de atletas goeses na primeira edição dos Jogos da Lusofonia, a realizar em Macau, em Outubro.

A Associação dos Comités Olímpicos de Língua Oficial Portuguesa, reunida hoje em Seul, admitiu como membros associados os Comités Olímpicos da Índia e do Sri lanka permitindo que participem já em Outubro nos primeiros Jogos da Lusofonia.

Em declarações à Agência Lusa, Manuel Silvério, presidente em exercício da ACOLOP e da Comissão organizadora dos primeiros Jogos da Lusofonia, explicou que a associação foi contactada pelos Comités Olímpicos da Índia e do Sri Lanka para que fossem admitidos na ACOLOP.

Reunidos em Seul, à margem da reunião da Associação dos Comités Olímpicos Nacionais, os dirigentes da ACOLOP decidiram atribuir aos seus novos membros o estatuto de associados, semelhante ao que foi atribuído na fundação, em 2004, à Guiné Equatorial.

“Com esta admissão, os Jogos da Lusofonia alargam a sua dimensão às diversas comunidades que falam português no mundo e assumem-se como congregadores de todas essas comunidades”, disse.

O futebol é muito popular em GoaPara Manuel Silvério, a entrada da Índia e do Sri Lanka faz com que a ACOLOP “entre numa nova era e numa nova fase de desenvolvimento que dá possibilidades à associação de crescer não só ao nível das nações como também das comunidades falantes da língua portuguesa”.

Jogos da Lusofonia em Outubro

O mesmo responsável disse também que os Jogos da Lusofonia, que terão lugar em Outubro em Macau, foram tema de debate nas reuniões dos Comités Olímpicos Nacionais o que fez despertar nos dirigentes do movimento olímpico internacional um interesse pela actividade da ACOLOP.

Do programa desportivo constam até ao momento, seis modalidades desportivas: atletismo, basquetebol, voleibol de praia, ténis de mesa, taekwondo e futsal, com o taekwondo e o futsal a serem disputados apenas por selecções masculinas. As modalidades foram aprovadas na 1ª Assembleia-Geral da ACOLOP, realizada em 15 de Agosto de 2004, em Atenas, tendo em conta o objectivo de permitir a participação das selecções olímpicas de todos os membros da associação em cada modalidade.

Tendo em conta o estatuto de associado que assumem a Índia e o Sri Lanka, a Comissão Organizadora dos Jogos da Lusofonia poderá vir a limitar o número de inscrições de atletas destes novos membros.
Com a alteração de hoje, a ACOLOP, criada em 2004 em Lisboa, passa a ter como membros efectivos Macau, Portugal, Angola, Moçambique, Brasil, São Tomé e Príncipe, Cabo-Verde, Guiné-Bissau e Timor-Leste e como membros associados a Guiné Equatorial, Índia e Sri Lanka.

Cooperação desportiva lusófona com Goa

Estádio de Fatorda, em Margão, GoaRecorde-se que os últimos anos têm registado renovada cooperação desportiva entre Portugal e Goa, por via da Dr. Susana de Sousa, directora para os assuntos desportivos e de juventude no Governod e Goa, a Associação de Futebol de Goa, a Universidade do Porto e o Comité Olímpico Português (cujo Presidente, Vicente Moura, é igualmente membro directivo da ACOLOP).

Vários acordos de cooperação foram assinados, especialmente no capítulo da formação futebolística para treinadores e as camadas jovens goesas. Há igualmente notícia de alguns jogadores portugueses e lusófonos a jogar por equipas goesas, participando nas ligas estaduais e nacionais de futebol.